O paraíso escondido dos Discos

Voltar
por Matteo Gavazzi

Para começar: Os mais jovens sabem o que significa LP (Elepê)?

 

Assim são chamados os discos de vinil, Long Playing, discos de longa duração.

É meus amigos, antigamente ter 5/6 músicas de cada lado do disco era considerado uma longa duração.

Para aqueles que não viveram esta época pode parecer loucura, em um tempo onde um mini iPod consegue “carregar” milhares de discos simultaneamente.

 

E por falar em discos, hoje vou contar onde você pode encontrar os “achados” da música brasileira e internacional.

Instruções para o uso:

– Pegue o metrô e desça na estação Anhangabaú (linha vermelha) vá até a frente do Theatro Municipal, passe por trás dele e entre na Rua 24 de Maio.

– Após algumas dezenas de metros, você passará pela Galeria do Rock, a Galeria do Reggae, sim, sim, continue andando… você ainda não chegou, e finalmente, chegará em frente ao número 188.

– Neste momento você está em frente a Galeria “Boulevard” do Centro.

Ela não aparenta ser grande coisa, no mais tem restaurantes e lanchonetes à primeira vista.

– Mas não se preocupe, entre e vá até as escadas rolantes no fundo da galeria, suba.

 

 

Aqui está você, no segundo andar da Galeria, deserto.

 

O movimento não é muito grande e as lojas parecem fechadas.

Parecem. Pois aqui é um pequeno paraíso do disco! 90% das lojas nesse andar dedicam seus esforços a encontrar raridades e disponibilizar para seus clientes.

 

 

Minha loja preferida? A do Celso!

A loja chama CELSOM (número 126) mas não tem nenhuma placa na frente, então, vai aqui uma foto para vocês localizarem.

 

Veja aqui a história dele e da loja: https://www.youtube.com/watch?v=JHno1G9Ents

 

O forte aqui é a MPB.

Mas ó, não se apeguem somente na minha preferência. O andar inteiro é repleto de lojas fantásticas.

E vale ressaltar que nem todas aceitam débito, então, leve um dinheirinho para não ficar sem o seu disco favorito.

 

 

Curiosidade: este prédio, que a princípio não parece revelar uma assinatura, nos leva ao engano pelas muitas mudanças que sofreu durante longo dos anos.

Pois bem, o projeto é do Arquitetos Siffredi & Bardelli.

Sim, eles mesmos. O casal de arquitetos que projetou e trouxe o Hilton para a Av. Ipiranga, logo ali, na frente do Copan.

 

E por falar neles, se você não achou na Galeria Boulevard do Centro o que procurava, com certeza você precisa de uma reprodução.

E para quem procura reproduções de discos nacionais famosos, o lugar é a LOCOMOTIVA DISCOS, que também fica em uma galeria destes dois arquitetos italianos, transplantados nos anos 50/60 no Brasil, mais precisamente na Galeria Nova Barão (Rua Barão de Itapetininga, 37)

 

O bacana destes lugares todos é que ficam quase escondidos.

Emoldurados em galerias de uma São Paulo antiga que se mantém ainda viva e pulsante.

 

A maioria não possui site. Não sei se é proposital, mas sei que comprar on line não se compara ao prazer de “folhear” um por um.

 

A experiência é essa mesmo, passear pelo Centro em uma tarde, ou manhã, livre e se dedicar a exploração loja por loja, disco por disco.

 

E claro, se você descobrir mais algum paraíso perdido nos conte nos comentários!!!

compartilhe

sobre o autor

Matteo GavazziSócio-Fundador

Nascido em Roma, Itália, onde viveu até seus 20 anos, mudou-se para São Paulo em 2010, fazendo o mesmo caminho e trazendo os mesmos sonhos de Giuseppe Martinelli, um de seus maiores inspiradores. ...

Leia mais

Tel/Whatsapp:
+55 11 9 7210-8517
matteo@refugiosurbanos.com.br

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

×

Hello!

Click one of our representatives below to chat on WhatsApp or send us an email to hello@quadlayers.com

× Como posso te ajudar?