logo

Uma casa para receber e pra família crescer!

Voltar
Por Rafael Sorrigotto Vida de Corretor

A casa nasceu de duas vontades minha e do meu marido, STU: receber amigos e ter filhos.

 

 

Vindos de um apartamento pequeno da Pompéia, buscávamos no Centro muito da vivência de cidade que estudamos na faculdade de Arquitetura, em Bauru. Próximo ao entroncamento da Consolação com a charmosa São Luis, fincamos raízes. A região permite um sem fim de programações e vivências diferentes – já há quatro anos por aqui, vimos a região mudar bastante. O adensamento residencial qualificou serviços e trouxe muito mais variedade e opções de lazer para bem próximo.
Isso sem contar da facilidade para nos movermos à toda a cidade: além da malha de calçadas e ciclofaixas, corredores de ônibus da Consolação e Nove de Julho facilitam a vida. Metrô? Dá pra escolher entre as linhas vermelha, amarela e azul! Ficamos até um pouco mal acostumados, chegamos bem rápido a tudo onde precisamos.

A mesa grande da sala, que comporta até oito pessoas, chegou para brindar à minha paixão pela cozinha.
Dos lugares disponíveis nasceu a ideia de fazer jantares para grupos de amigos: e assim foi entre 2015 e 2016, época em que às segundas convidávamos um amigo para jantar num projeto que chamei de “Na Cozinha”. Esse amigo trazia com ele quatro ou cinco convidados, montava um cardápio a cada grupo – experiência incrível, culinária e social.

 

 

Esse projeto foi interrompido temporariamente por um motivo maior: um não, dois – de uma vez só. No final de 2016 a casa acolheu os dois mais novos moradores – Allan, que na época tinha 10 anos, e Davi, que tinha 3 anos – e eu e o STU viramos Dois Pais.

Aí a rotina mudou completamente, a dinâmica da casa também: a sala ganhou um cantinho para brinquedos e brincadeiras, copos e vidros em geral foram guardados, junto da TV agora tem uma coleção de jogos e video game e, no segundo quarto, o QG dos pequenos.

     

A suíte é bem confortável: com tamanho bom e ótima iluminação e ventilação, comporta o quarto e uma bancada que me quebra um baita galho nos meus dias de home office.

Na varanda? Muitas plantas! Pra aproveitar o sol, pra trazer um pouco de verde pras nossas vidas, pra servir de terapia enquanto cuidamos delas.

 

 

Seja bem vindo à minha casa! 🙂

compartilhe

sobre o autor

Rafael SorrigottoSócio-Proprietário

Arquiteto por formação, corretor por paixão e cozinheiro no tempo livre! Formado pela UNESP, cursou pós-graduação na FIA Business School em Negócios do Mercado Imobiliário. Após anos tr...

Leia mais

Tel/Whatsapp:
+55 11 99822-7266
rafael@refugiosurbanos.com.br

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

×

Powered by WhatsApp Chat

× Como posso te ajudar?