Bairros de São Paulo

O bairro da Liberdade está localizado na região central de São Paulo.

E faz fronteiras com a Bela Vista, Sé, Aclimação e Paraíso.

No século XIX, chamava-se Bairro da Pólvora, em referência à Casa da Pólvora, construída em 1754. Na região, se localizava o largo da Forca, assim nomeado em função da presença de uma forca que era utilizada para a execução da pena de morte. A forca havia sido transferida da rua Tabatinguera em 1604 a pedido dos religiosos do Convento do Carmo e funcionou até 1870. A partir de então, o largo passou a se chamar Largo da Liberdade, e o nome se estendeu a todo o bairro.

Existem duas versões para explicar a mudança para o nome "Liberdade"ː uma diz que trata-se de uma referência a um levante de soldados que reivindicavam o aumento de seus salários à coroa portuguesa em 1821, e que teria resultado no enforcamento dos soldados Chaguinhas e Cotindiba. O público que acompanhava a execução, ao ver que as cordas que prendiam Chaguinhas arrebentaram várias vezes, teria começado a gritar "liberdade, liberdade". Outra versão diz que o nome Liberdade é uma referência à abolição da escravidão.

Antes da chegada da imigração japonesa, o bairro era em sua maioria formado por pessoas negras, mas muito dessa parte da história foi ocultada no decorrer dos anos. O que hoje em dia, a comunidade negra jovem vem tentando mudar, preservando parte de sua história.

A presença japonesa no bairro começa quando, em 1912, os imigrantes japoneses começaram a residir na rua Conde de Sarzedas, ladeira íngreme, onde, na parte baixa, havia um riacho e uma área de várzea.

Hoje em dia, o bairro é conhecido como bairro oriental de São Paulo por sua mistura entre as culturas japonesas, chinesas e coreanas. Com restaurantes, lojas e eventos voltados à essas culturas. Além da tradicional feira de domingo na Praça da Liberdade.

Imóveis Relacionados

Aguarde...

×

Powered by WhatsApp Chat

× Como posso te ajudar?